Eu gosto de Juazeiro...

Trip Start Nov 14, 2007
1
20
Trip End Ongoing


Loading Map
Map your own trip!
Map Options
Show trip route
Hide lines
shadow

Flag of Brazil  ,
Wednesday, January 23, 2008

... e eu adoro Petrolina.

Desde que comecei essa viagem que essa maldita música não me saiu da cabeça. Não que seja assim tão ruim, mas eu só conheço esse verso. Mesmo que fosse o verso mais bonito do mundo seria péssimo, e está longe disso.
Mas pelo menos serve para ilustrar como são as coisas por aqui - uma cidade não existe independentemente da outra. Ficam uma na Bahia e a outra em Pernambuco, separadas só pelo Rio São Francisco - cinco minutos a pé. E pelo visto sempre foi assim, o nome original de Petrolina foi Passagem de Juazeiro.
Eu não costumo gostar muito dessa mania de dar a tudo nome de santo, mas até aceito abrir uma exceção para o São Francisco. Faz um certo sentido chamar de santo um rio que cruza o sertão. Nem dá para perceber direito que aqui é sertão, tirando alguns detalhes - a grama em que não se pode pisar descalço, porque corta o pé; o museu que se chama 'museu do sertão'; o hotel que parece não saber o que é chuva. Numa dessas noites caiu uma tempestade e começou a entrar muita água pela janela do meu quarto. Quando quis trocar descobri que seria inútil, já que todos os quartos eram voltados para o mesmo lado e era justamente por ali que batia o vento, então todos estavam se alagando. Ninguém pensou em vedar as janelas nem que era dessa falha a culpa do alagamento,
a culpa era do vento que estava batendo pelo lado errado.
Desde os tempos do nome antigo a cidade cresceu bastante. Antes era passagem para a outra, agora é mais de 50% maior, se o tamnho das respectivas seções da lista telefônica conjunta vale como indicativo. Provavelmente por causa das conexões, eu vindo da Bahia não consegui chegar diretamente a Juazeiro, tive de dar a volta por Pernambuco porque era por lá que havia estradas. E um efeito colateral altamente negativo desse crescimento foi justamente a mudança de nome, para um novo que foi formado da combinação de Pedro e Leopoldina... A uma idéia tão estapafúrdia só se pode responder cantando:


Assim se conta essa história

Que é dos dois a maior glória:

Da. Leopoldina virou trem

E D. Pedro é uma estação também!

O, ô , ô, ô, ô, ô

O trem tá atrasado ou já passou?
Report as Spam

Comments

marja
marja on

O trem tá atrasado ou já passou?
Se fosse em Minas estaria perfeito, o travel-blog seria o trem e ele não estaria atrasado, mas, bem na hora!!!

Acho que todos que lêem seu blog estavam sentindo falta da continuação, que, porém, não deixa nada a desejar! Valeu esperar pelo 'trem'!

Add Comment

Use this image in your site

Copy and paste this html: