Lição parisiense #8

Trip Start Jan 03, 2011
1
9
Trip End Jan 22, 2011


Loading Map
Map your own trip!
Map Options
Show trip route
Hide lines
shadow
Where I stayed
19, rue des Feuillantines, Quartier Latin. (estúdio fofo que alugamos pra passar as férias!)

Flag of France  , Île-de-France,
Friday, January 21, 2011

Um dia de Amélie

Lembro direitinho do dia em que assisti ao filme "O fabuloso destino de Amélie Poulain" com a Ana, no Unibanco da Augusta, logo que o filme saiu. Quase morro de saudades da Ana e dos anos em que não nos desgrudávamos! Em homenagem a ela, ontem passei metade da tarde no Café Deux Moulins, onde a Amelie trabalhava no filme.

O café existe de verdade, e é do jeitinho que o filme mostra. Fica em Montmartre, não muito longe do Moulin Rouge (estação Blanche do Metrô). Aliás, várias coisas têm nome de moinho nesse bairro.

O guia do free tour por Montmartre disse que o diretor do filme morava bem perto do café, e ia lá todos os dias, mas teve que insistir muito pro dono deixá-lo gravar as cenas ali. Acho que, hoje em dia, o dono não se arrepende, porque o café estava lotado (e assim permaneceu) quando chegamos, e havia cartazes da Amélie por todos os lados.

Grazi, Giovana e eu almoçamos calmamente e pedimos como sobremesa, claro, o créme brûlée (pra quebrar a casquinha com uma colher, como a Amelie faz no filme). De quebra, ainda conseguimos tirar umas fotos de cabine na estação do metrô! Quase morremos de rir porque a cabine foi certamente desenhada para 1 pessoa só entrar de cada vez, e éramos três!  Ficam de recordação pra Gi, que vamos abandonar em Paris no sábado! (Gi, vamos ficar com saudades!)

O dia foi uma delícia. Recomendo muito. Do café, demos uma voltinha pelo red light district de Paris – só por diversão! Compramos presentes “engraçadinhos”, e fomos repreendidas por tirar fotos dos artigos expostos por um francês carrancudo, que leva o ramo de diversão adulta super a sério: – “Zis is not a museummm! No photos...!!!” (Vou postar só as mais comportadas!). Reparem no cartaz que diz: “Transexual specialist”! Sen-as-cio-nal!

Outro dia, passamos longas horas filosofando com o Lucas Frota no Café de Flore, no Boulevard Saint-Germain, em homenagem ao Sartre (que freqüentava o café). Ensaiamos uma virada existencialista entre um croque e outro, mas o nosso lance era mesmo existir plenamente em Paris! O Café de Flore fica do lado do Café Deux Magots, também muito bem freqüentado pela elite intelectual de Paris (e por turistas como nós), e que tem vista para a a Catedral de Saint-Germain-des-Prés. Aliás, Saint-Germain é outro bairro-delícia de Paris!

Lição parisiense #8: Nada como um café que significa muito mais que um café.
Slideshow Report as Spam

Comments

Manu on

Ai que lindo Le... Eu amei esse filme!! E essas fotos... Um sonho tua viagem!! Beijos, saudades!

Add Comment

Use this image in your site

Copy and paste this html: